Sinproesemma promove Formação Sindical

O Sinproesemma realizou nesta sexta-feira, 25, e sábado, 26 de outubro, o Curso Básico de Formação Sindical para a diretoria geral do Sindicato. Participaram do curso mais de 100 diretores do Sinproesemma de diversas partes do Estado.

O curso foi ministrado pelo Centro Nacional de Estudos Sindicais e do Trabalho (CES) e teve como palestrantes os professores Adelmo Rodrigues e Thomas de Toledo.

Durante os dois dias de formação os dirigentes sindicais discutiram a história do Sindicalismo no mundo e no Brasil, debatendo sobre as transformações no mundo do Trabalho e as revoluções que permearam a luta classista e os desafios da atualidade.

“O sindicalista precisa estar o tempo inteiro participando da sua própria formação. Ele precisa se aprimorar cada vez mais para entender a realidade que muda o tempo inteiro. Em um momento difícil como esse, é necessário unidade dos trabalhadores para resistir a esse governo que não é bom para o Brasil e nem é a favor dos trabalhadores e trabalhadoras”, disse Thomas de Toledo, professor do CES.

 

Para a secretária de formação sindical, Benedita Costa, a formação sindical é mais um instrumento de luta e resistência.

“Nós, sindicalistas, precisamos estar preparados para o embate e a formação vem justamente trazer subsídios para o enfrentamento e o Sinproesemma sabe da importância e da necessidade de promover esse tipo de evento”.

O professor Gerrá, dirigente sindical do município de Nova Olinda, regional de Zé Doca agradeceu ao Sinproesemma pela formação.

“Uma formação é sempre bem vida, pois proporciona mais conhecimento e precisamos nos atualizar a todos os acontecimentos para que possamos defender os nossos trabalhadores em educação”, afirmou.

“A partir de hoje, com esses dois momentos diferenciados, com o professor Adelmo e o professor Thomas, pudemos perceber a importância sindical na vida do trabalhador. Por isso, é necessário esse aperfeiçoamento, de buscar novos conhecimentos e instrumentos de luta. O Sinproesemma está de parabéns”, disse Divaldo Domingues, dirigente sindical do Sinproesemma, na cidade de Imperatriz.

Segundo o professor Raimundo Oliveira, presidente do Sinproesemma, a formação é fundamental para o movimento sindical.

“A formação sindical eleva o nível de consciência política dos trabalhadores e trabalhadoras. Vivemos em um momento conturbado, de grandes lutas contra o retrocesso que está sendo implementado pelo Governo Federal e diante a esses desafios é de suma importância entender a História que nos pauta para a luta sindical para termos o discernimento de como enfrentar e seguir no caminho”, ponderou Oliveira.

ESPAÇO DO ASSOCIADO

Pular para o conteúdo