JENIPAPO DOS VIEIRAS: O HISTÓRICO DE CONQUISTAS DO SINPROESEMMA É FRUTO DA CORAGEM E DA UNIÃO DA CATEGORIA

A atuação do núcleo do Sinproesemma em Jenipapo dos Vieiras, município a 505 km de São Luís, é de grande notoriedade. Compondo a regional de Barra do Corda, o núcleo em Jenipapo dos Vieiras foi oficializado em 2006 e desde então, soma importantes conquistas, como a reformulação do Plano de Carreiras, Cargos e Remuneração (PCCR); a garantia do reajuste anual de acordo com a Lei do Piso; o cumprimento da jornada de 1/3 da carga horária; direito a licença prêmio por assiduidade; representação junto aos órgãos de controle para que seja erradicada a terceirização e os funcionários fantasmas na folha do FUNDEB; representação para implantação automática do quinquênio para os professores da rede municipal; acompanhamento da inserção dos dados dos sócios na RAIS, garantindo o direito ao recebimento do PASEP; direito a licença prêmio por assiduidade; assessoria jurídica coletiva e individual para os sócios; aquisição do terreno para construção da sede social e administrativa, entre outras.

O enfrentamento constante pela garantia e contra a retirada de direitos é a principal marca do Sinproesemma em Jenipapo dos Vieiras, liderado pela profª Andreia Almeida, que busca a continuidade da luta e das conquistas na eleição para nova coordenação do núcleo sindical, no próximo dia 25 de janeiro. Combatente contra os desmandos da gestão municipal e a perseguição politico-partidária que existe até hoje, foi a professora Andrea juntamente com os professores Adriana Silva e Juscelino Castro que iniciou a atuação do Sinproesemma no município, quando os professores e professoras sofriam sem uma entidade representativa da classe.

Para Andrea Almeida, somente a luta garante direitos. “Se hoje colhemos frutos foi porque uma turma ousou dar os primeiros passos, munidos de coragem e determinação. Fizemos deste sindicato um dos mais atuantes da nossa região” disse ela, que denuncia ainda as ações de perseguição de adversários ligados à administração municipal, que tenta a todo custo sujar a imagem dos componentes da chapa.

Para o presidente do Sinproesemma, profº Raimundo Oliveira, a categoria deve lembrar-se do compromisso que o núcleo tem com a categoria, sempre buscando lutar com firmeza e responsabilidade a favor dos professores e servidores da educação pública e contra o ataque à classe em Jenipapo dos Vieiras. “A categoria precisa seguir confiante, apoiando as ações do núcleo do Sinproesemma, relembrando as conquistas que são um retrato da boa atuação dos representantes sindicais no município. A união de forças deve prevalecer, ainda mais agora”, afirmou.

O voto da categoria é essencial para que o ciclo de conquistas para os professores e servidores da educação pública de Jenipapo dos Vieiras não seja quebrado. É importante que a classe não dê um tiro no escuro, deixando que opositores ligados à gestão municipal assumam a representação da categoria, deixando-os sem garantias de direitos no futuro. No pleito pela continuidade do trabalho em prol dos educadores e servidores públicos do município está a Chapa 01, que além da profª Andrea Almeida como candidata a Coordenadora Geral, é composta pela profª Lucilene Barbosa (Vice-coordenadora); profª Fernanda Gomes (Secretária-geral); profª Patrícia Oliveira (Secretária de finanças); profº Deusamar Ribeiro (Secretário de Imprensa); profª Maria Lúcia de Fátima (Secretária de Formação Sindical); profª Maria José Rocha (Secretária dos servidores técnicos e de apoio); Profª Edilene Silva (1ª suplente) e a profª Suzana Santana (2ª suplente).

ESPAÇO DO ASSOCIADO

Pular para o conteúdo